BLOG DO MARCELO

Uma nova realidade para um mundo bagunçado

“Último suspiro” dos Beatles, “Abbey Road” completa 40 anos

Posted by Marcelo em 26/09/2009

Abbey Road Considerado um dos melhores discos da carreira dos Beatles, Abbey Road, lançado em 26 de setembro de 1969, completa 40 anos de sua estreia neste sábado (26). Gravado entre abril de agosto do mesmo ano nos lendários estúdios da EMI, em Londres, o disco ainda tem em sua capa a foto clicada por Iain Macmillan registrando o quarteto atravessando Abbey Road. Embora tenha sido o penúltimo lançamento da carreira, o álbum foi o último a ser gravado, já que as sessões que originaram Let It Be (1970) já haviam acontecido anteriormente.

Penúltimo disco da carreira dos Beatles, Abbey Road ganhou o status de “solucionador” dos problemas da banda, que já enfrentavam muito desgaste em seu relacionamento. No entanto, o grupo, que iria se separar pouco tempo depois, conseguiu reunir belas composições individuais, mas já demonstrando pouca união como banda.

Além de belas canções da parceria Lennon/McCartney, o disco tem registros de músicas compostas pelo guitarrista George Harrison, que lutava cada vez mais por espaço nos álbuns do quarteto. Entre elas estão Something e Here Comes The Sun, dois grandes destaques entre as faixas.

Com 47 minutos de duração e produzido por George Martin, o álbum também é marcado pela inventividade do grupo no estúdio ao usar mais recursos tecnológicos. Este é um dos discos em que os Beatles exploram o uso do sintetizador, como em Because e Maxwells Silver Hammer.

Velhos tempos
Passando por uma fase turbulenta e cheia de incertezas sobre o futuro da banda, os integrantes dos Beatles passaram por essa fase dividindo sua atenção com projetos foras do grupo.

O preceito para a gravação de Abbey Road foi exatamente botar um fim nesta questão, para que os integrantes ¿gravassem como nos velhos tempos¿, sugestão de Paul McCartney na época.

Ensaio de 10 minutos
A lendária foto do quarteto de Liverpool cruzando a Abbey Road, em Londres, capa do disco de mesmo nome de 1969, completou 40 anos de existência no dia 8 de agosto. A foto, clicada por Iain Macmillan, foi tirada em uma rápida sessão de fotos (que durou cerca de 10 minutos) na faixa de pedrestes que fica na frente do lendário estúdio onde o grupo fazia suas gravações.

Preparando a arte do álbum que seria lançado no dia 26 de setembro daquele ano, os quatro músicos cruzaram a rua algumas vezes para que o fotógrafo pudesse fazer o famoso clique. Ao todo, existem seis imagens dessa sessão e a predileta de McCartney foi a escolhida para a capa.

Em pouco tempo, o lugar se tornou ponto de encontro para diversos fãs da banda que, ano após ano, tentam reproduzir a lendária foto atravessando a faixa de pedestres mais famosa do planeta. No site do estúdio de Abbey Road há até uma webcam que filma a rua durante 24 horas e transmite as imagens para o mundo todo.

A composição da foto, idéia de McCartney, segundo Brian Southall, autor de um dos livros mais completos sobre o Abbey Road, também virou motivo de paródia ou homenagem de desenhos animados como Simpsons ou programas infantis como Vila Sésamo.

Mistério
Além de famosa, essa foto também carregando muito mistério e contribui com o lendário boato de que o “verdadeiro Paul McCartney” teria morrido no meio da década de 60. Segundo os rumores, a foto teria servido para encenar o “enterro” do verdadeiro Paul: John Lennon seria o padre (roupas brancas), Ringo Starr seria o encarregado do funeral (terno preto), Paul McCartney o cadáver (com terno e sem sapatos nos pés, como é tradição em algumas religiões) e George Harrison o coveiro (roupas de trabalho). Além disso, Paul é o único do quarteto com a passada invertida durante sua caminhada.

Fora isso, outro elementos também “provariam” a tese de que Paul estaria morto. O fusca estacionado do lado esquerdo tem a placa LMW-281F. Os boatos apontam que a sigla seria “Linda McCartney Widower” ou, em português, “Linda McCartney viúva”. Levando em consideração o número 1 como a letra I, o restante seria “28IF”, apontando que o verdadeiro Paul teria 28 anos de idade se estivesse vivo.

No lado direito da imagem, há dois carros pretos de modelos usados comumente para funerais no Reino Unido. Segundo os boatos, ambos estão direcionados para um cemitério localizado nas proximidades do estúdio Abbey Road.

Fonte: Terra

Posted in Curiosidades, Rock and Roll | Etiquetado: | Leave a Comment »

40 anos de Woodstock

Posted by Marcelo em 16/08/2009

woodstock_csg022

Nos dias 15, 16 e 17 de agosto de 1969, apenas um mês depois da famosa aterrissagem da Apollo 11 na Lua, o mundo testemunhou outro passo gigante. Dessa vez foi o festival Woodstock, no estado de Nova Iorque. Aproximadamente 500 mil pessoas convergiram para uma pequena cidade para escutar três dias de música. O fato de tantas pessoas virem de tão longe em nome da música nos diz algo sobre a experiência humana daquela época, embora o que é dito não esteja totalmente claro.

Mesmo que provavelmente não tenha participado dele, você deve ter ouvido falar sobre o evento conhecido como Woodstock. Você deve ter ouvido que houve sexo, drogas e rock’n roll, ou talvez que houve problemas com comida, limpeza, estacionamento, trânsito e até com água potável. Você jimi-hendrix-woodstock1possivelmente ouviu que a música estava fantástica: uma seqüência musical pouco provável de acontecer novamente em qualquer outra área. E tudo isso é verdade. Então, vamos dar uma olhada em exatamente como isso aconteceu.

A primeira coisa que precisamos reconhecer é que 1969 foi o auge da contracultura na América. A contracultura hippie incluía o uso de drogas, protestos antiguerra e anticapitalismo, o conceito de amor livre, o movimento de libertação das mulheres, vida em comunidade e muito mais.

woodstockOs Estados Unidos estavam divididos. De um lado estava um grupo de norte-americanos que apoiava o país: adesivos com dizeres “Ame-o ou deixe-o” nos pára-choques e apoio à guerra do Vietnã. Do outro lado estava o grupo de norte-americanos conhecidos como hippies: um termo que se tornou conhecido por volta de 1967.

A segunda coisa a ser reconhecida é que o rock já era um grande fenômeno.  Woodstock foi um festival de músicos da contracultura, como Joan Baez, Grateful Dead, The Who, Jimi Hendrix, Janis Joplin, Crosby, Stills e Nash. Reunir essas bandas e artistas num mesmo lugar transformou o Woodstock num ímã que atraiu pessoas de todo o país.

Tornando Woodstock realidade

Quatro pessoas são as responsáveis pela idéia que resultou no Woodstock: Artie Kornfeld, Michael Lang, John Roberts e Joel Rosenman. Roberts e Roseman eram jovens ricos que queriam uma idéia que os lançasse como empresários. Kornfield trabalhava na Capitol Records e Lang era um promotor de shows que, em janeiro de 1969, organizou um grande festival (para a época) em Miami, assistido por 40 mil pessoas. woodstock2025

Lang se uniu com Kornfield e juntos eles tiveram a idéia de um outro festival de música, mas precisavam de dinheiro. O advogado (em inglês) deles os levou até Roberts e Roseman e os quatro se conheceram em fevereiro de 1969. Em março, a Woodstock Ventures Inc. (WVI) foi fundada  para organizar o evento. Woodstock, N.Y. foi escolhida porque muitos músicos já estavam lá: tanto Bob Dylan quanto Jimi Hendrix  tinham casas no local, por exemplo.

woodstock_1462547c Por volta de abril, a WVI já tinha um local e começava a fazer barulho com alguns comerciais. Já estava começando também a contratar as primeiras bandas: US$12.000,00 pela Jefferson Airplane; US$12.500,00 por The Who. Embora estes pareçam números ridiculamente baixos hoje, na época eles equivaliam ao dobro do que as bandas recebiam por seus shows, o que nos mostra como os tempos mudaram. Woodstock foi o evento que fez a fama de muitas dessas bandas e que, ao mesmo tempo, mostrou a todos como era grande o apetite do público pela música.

woodstock_redmond_hair Então, em julho, apenas um mês antes do evento acontecer, o lugar originalmente escolhido baixou leis que proibiram o festival. Os organizadores lutaram e encontraram um novo lugar: um campo de 600 acres da fazenda de Max Yasgur em Bethel, NY.

Site do Woodstock, feito pelo Globo.com, com vídeos e depoismentos reais.

Posted in Rock and Roll | Etiquetado: | Leave a Comment »

Como surgiram os nomes das cores

Posted by Marcelo em 08/07/2009

coresSORRISO AMARELO
Na Antiguidade, pensava-se que a icterícia, uma doença que deixa as crianças amareladas, vinha da bílis, secreção produzida pelo fígado que era chamada “humor amargo”. No latim, amargo era amargus, que no diminutivo virava amarellus, que acabou virando amarelo

AGENTE LARANJA
Quando os árabes resolveram fazer uma “visitinha” à Europa, trouxeram na bagagem a fruta laranja – nárandja, em árabe. De lambuja, acabaram batizando a cor

CARTA BRANCA
Em geral, dizemos que algo bem liso e brilhante é “branquinho”. Os latinos também achavam isso e pegaram o germânico blank, que significa polido, para falar da cor. Aliás, o termo “armas brancas”, usado para facas e punhais, vem daí: branco de polido, reluzente

NO “APRETO”
O nome da cor preta vem do latim appectoráre, que queria dizer “comprimir contra o peito”. Como assim? É que, com o tempo, o appectorár virou apretar. E, por uma analogia muuito criativa, deu no preto, querendo dizer algo denso, espesso, “apertado”

SANGUE AZUL
Foi uma pedra preciosa chamada lápis-lazúli que batizou a cor azul. Lápis não conta, porque já queria dizer pedra em latim, mas o lazúli veio do árabe lázúrd, nome da rocha azulada. Em latim, o que era pedra continuou pedra, e a cor ficou simplesmente azul

MARROM-GLACÊ
A castanha portuguesa, aquela do Natal, chama-se marron, em francês. E foi da cor desse fruto que veio o nosso marrom. Aliás, o marrom-glacê é isso: um doce escuro feito de castanha portuguesa

MASSA CINZENTA
O cinza nasceu daquela massa de pó misturado com brasas que sobra no fim das fogueiras. Por associação, a palavra latina cinisia, que queria dizer cinzas, transformou-se também no nome do tom preto-claro

VERMELHO-SANGUE
Antigamente, como ninguém conhecia urucum nem pau-brasil na Europa, o único jeito de fazer tinta vermelha era usar um inseto – hoje chamado de cochonilha – que, esmagado, virava um vermelhão. O nome dessa cor vem do latim vermiculum, vermezinho

VERDES ANOS
Aqui chegamos a uma das poucas cores que já nasceu cor. O verbo latino vivere significava estar verde, verdejar. Dele é que nasceu a associação do verde com algo que está nascendo, que ainda não está pronto

Fonte: Mundo Estranho

Posted in Curiosidades | Leave a Comment »

Quanto custa fabricar uma moeda?

Posted by Marcelo em 05/07/2009

1 realBem, muitas pessoas nunca pensarão quanto custa pra fabricar uma moeda. Pois bem, este blog  ajudará você a descobrir quanto custa cada moedinha fabricada no Brasil.
Cada moeda que utilizamos no dia a dia tem um preço para ser fabricada. As moedas de 1 e 5 centavos valem menos do que é utilizado para produzí-las, porém são necessárias para se pagar pequenas quantias, onde seria impossível sem esses valores.
Confira quanto se gasta para produzir as moedas brasileiras:
Cada moeda de R$0,01 sai por R$0,06
Cada moeda de R$0,05 sai por R$0,06
Cada moeda de R$0,10 sai por R$0,08
Cada moeda de R$0,25 sai por R$0,011
Cada moeda de R$0,50 sai por R$0,11
Cada moeda de R$1,00 sai por R$0,13
A de um centavo já parou de ser fabricada por ser cara e porque o Banco Central acha que o brasileiro já arredonda os valores para cima.

Posted in Curiosidades | Leave a Comment »

A embalagem muda o gosto da bebida?

Posted by Marcelo em 22/06/2009

coca-colavidro

Se você tem a sensação de que sua Coca-Cola é melhor na garrafa de vidro do que na de plástico, fique tranquilo: não é frescura, mas um palpite cientificamente correto!

Apesar de o líquido que entra pelo gargalo ser o mesmo, o sabor é alterado por incovenientes de cada recipiente: polímeros da embalagem PET escapam para o líquido e a latainha acelera a saída do gás, entre outros exemplos.

Entenda como cada embalagem pode alterar o sabor da bebida:

PET

Há componentes que escapolem da embalagem para o líquido – polímeros, micropartículas do plástico – que se desprendem da garrafa e se misturam com o líquido.

Daí o sabor “contaminado” de sua Coca 2 litros, por exemplo.

LATA

Feita de alumínio, tem a vantagem de gelar mais fácil.

Esse tiro, porém, pode sair pela culatra. Quando a temperatura se eleva, as substâncias voláteis na bebida se agitam mais.

Saldo: o gás carbônico escapa mais rapidamente, alterando o sabor da bebida.

VIDRO

Há motivos para a preferência: é um material impermeável e de grande inércia química, ou seja, demora anos para interagir com o conteúdo.

Por ter um índice de porosidade inferior ao do alumínio e da PET, é bem mais eficiente na retenção do gás carbônico.

MÁQUINA

Tem vezes que desce bem, tem vezes que desce bem mal.

Isso ocorre porque o refrigerante de máquina tem gás carbônico e xarope vindos de fábrica, mas a água, fundamental no sabor da bebida, é filtrada no próprio estabelecimento.

Se o encanamento não estiver 100%…

Fonte: Revista Superinteressante – Junho/2009

Posted in Curiosidades | Etiquetado: , | Leave a Comment »

RCUI – Retocolite Ulcerativa Inespecífica

Posted by Marcelo em 22/06/2009

gastroO que é?

A Retocolite Ulcerativa faz parte das chamadas Doenças Inflamatórias Intestinais (DII), sendo uma inflamação da mucosa (camada de células que forra a superfície interna do intestino grosso), muitas vezes acompanhadas de úlceras.

Perto da metade dos pacientes tem a doença restrita às porções terminais do intestino, que são o sigmóide e o reto. Em 20% dos casos a RCUI atinge toda a extensão do intestino grosso, enquanto que nos demais há inflamação segmentar no cólon ascendente, transverso ou descendente.

Como se desenvolve?

Não se conhece a causa da Retocolite Ulcerativa Inespecífica. Também é desconhecido o motivo da doença desenvolver-se em determinado momento da vida.

Sabe-se, no entanto, que fatores genéticos e do sistema imune (onde estão os mecanismos de defesa natural) estão envolvidos.

É provável que fatores ambientais ainda não determinados ativem inapropriadamente o sistema imune de pessoas geneticamente suscetíveis, causando dano aos seus próprios intestinos, fenômeno conhecido como de auto-imunidade.

O que se sente?

A principal manifestação é a diarréia com sangue. Conforme a gravidade da doença, o número de evacuações varia de 5 episódios diários até 10 ou 20 e o volume de sangue pode ser variável, causando ou não sintomas pela conseqüente anemia.

A consistência das fezes varia de completamente líquidas até parcialmente formadas.

Pode ocorrer febre, mal-estar geral, franqueza, cólicas e dores abdominais difusas. Junto às fezes pode ser observada a presença de muco – uma espécie de catarro gelatinoso – e pus, caracterizando uma diarréia chamada de disenteria. Necessidade imediata ou urgência de evacuar, perda do controle esfincteriano (incontinência) e dor evacuatória também ocorrem devido à inflamação do reto.

Quando a doença é intensa, podem ocorrer anemia, perda de peso, edema (inchaço) nos pés e pernas, desnutrição e desidratação.

A Retocolite Ulcerativa Inespecífica (RCUI) é acompanhada, em um quarto dos casos, por manifestações extra-intestinais, numa repercussão de mecanismo também desconhecido.

Podem ocorrer dor e inflamação nas juntas (artrites), alterações da pele (Eritema Nodoso, Pioderma Gangrenoso), inflamações oculares, inflamação e endurecimento dos canais biliares (Colangite Esclerosante), tromboses e embolias (obstruções) dos vasos sangüíneos.

Como o médico faz o diagnóstico?

As referências do paciente com Retocolite Ulcerativa Inespecífica são, por si só, bastante sugestivas de uma inflamação do intestino grosso, incluindo o reto.

Porém, os sintomas não permitem a diferenciação entre as diversas causas de colite, o que pode ser feito através dos exames de fezes, que detectam agentes infecciosos, e das endoscopias que permitem observar lesões e secreções indicadoras de inflamação intestinal. Além disso, através da endoscopia é possível obter fragmentos da mucosa intestinal (biópsias) para análise laboratorial e microscópia.  Esse exame é realizado em momento oportuno e, muitas vezes, sob uma leve sedação para evitar dor ou desconforto.

Usualmente são realizados exames gerais de sangue, urina e fezes para avaliar o possível envolvimento dos demais órgãos pela doença intestinal, incluindo anemia e desnutrição. Um Raio-X simples de abdômen é realizado para identificação de possível dilatação exagerada do intestino, complicação que merece especial atenção.

Não há exames que confirmem ou afastem totalmente a Retocolite Ulcerativa Inespecífica como diagnóstico. Recentemente, estão ao nosso alcance o “p-ANCA” e o “ASCA”, no sangue, que auxiliam também na diferenciação entre RCUI e Doença de Crohn (outra Doença Inflamatória Intestinal). Portanto, havendo dados da história compatíveis e exames bastante sugestivos para tal, excluídas outras causas de colite, adota-se o diagnóstico de Retocolite Ulcerativa Inespecífica.

Como se trata?

Os sintomas agudos da doença com localização predominante no reto – puxos ou tenesmo, acompanhando a diarréia – são controláveis com medicamentos por via retal.

Aparentemente mais desconfortável, na impressão de alguns pacientes, essa via tem a grande vantagem de agir diretamente no local mais doente, evitando os efeitos colaterais das drogas quando usadas por via oral, como os corticóides e a mesalamina. Pacientes com doença que se estende pelos cólons ascendente, transverso e descendente necessitam de tratamento ministrado por via oral ou parenteral.

São considerados mais graves e com necessidade de hospitalização os doentes que, além das evidências básicas, mostram anemia acentuada, os desidratados, aqueles cujos níveis da pressão arterial ficaram muito baixos e os com acentuada distensão abdominal.

O uso de antidiarréicos em certas situações pode precipitar um agravamento do quadro clínico geral, motivo pelo qual requer criteriosa e individualizada prescrição e controle do médico assistente.

Um quadro agudo chega a ter um risco de recidiva, em um ano, de 75%; por isso, é indicado o uso prolongado de medicação por via retal ou oral para diminuir essa chance.

A cirurgia que retira todo o intestino grosso (colectomia) é uma opção de tratamento para os casos sem controle clínico satisfatório, para os que evoluem com dilatação extrema ou perfuração intestinal e para aqueles com associação de câncer.

Na Doença de Crohn a cirurgia não evita o surgimento da enfermidade noutro segmento intestinal; entretanto, na Retocolite Ulcerativa Inespecífica a colectomia é curativa.

A cirurgia apresenta riscos e desvantagens, por exemplo, a ileostomia temporária ou definitiva, com adaptação de uma bolsa coletora de fezes sobre a pele da superfície da parede abdominal.

Manifestações extra-intestinais associadas à Retocolite Ulcerativa Inespecífica, especialmente a Colangite Esclerosante, podem continuar mesmo tendo sido bem sucedido o tratamento da doença intestinal ou a realização de colectomia.

Pacientes com Retocolite Ulcerativa Inespecífica têm risco aumentado de câncer de cólon, que se torna significativo após 8-10 anos de doença. Por isso, é necessária a realização periódica de colonoscopia para a detecção precoce de lesões malignas ou pré-malignas. Quando detectadas, o tratamento é cirúrgico.

Medicamentos utilizados:

  • Corticóides (prednisona, budesonida) nas crises agudas;
  • Aminossalicilatos (mesalazinas, sulfassalazinas) para manutenção do tratamento;
  • Imunosupressores (azatioprina, 6-mercaptopurina, ciclosporina);
  • Terapia biológica: infliximab.

Tratamento cirúrgico:

  • Ressecção cirúrgica de todo o cólon em casos especiais, quando os medicamentos já não fazem efeito e a doença ocasiona graves complicações ao paciente.

Como se previne?

Não há forma de prevenção da doença.

Pode-se diminuir muito a recorrência de crises com o uso correto das medicações.

Recomenda-se para indivíduos com doença leve, com ou sem uso de medicação, que evitem a ingestão de cafeína e de alguns vegetais produtores de gás.

Qual a causa da Doença Inflamatória Intestinal?

Não existe uma única explicação para o aparecimento. Existem várias teorias tentando explicar a doença. A mais aceita atualmente é de que um provável processo viral, bacteriano ou alérgico, inicialmente acomete o intestino levando a um processo inflamatório. Este processo em combinação com uma predisposição genética levaria ao desenvolvimento de anticorpos que iriam contra o próprio intestino, cronicamente tentando destruí-lo. Aproximadamente 10% das pessoas com doença inflamatória intestinal têm parentes próximos com a mesma doença.

O estresse tem alguma implicação com a Doença Inflamatória Intestinal?

Estresse emocional devido a problemas familiares, no trabalho ou sociais, pode ter como resultante uma piora do quadro da síndrome do cólon irritável, porém há poucas evidências de que o estresse é uma causa imperativa na doença inflamatória inespecífica do intestino.

É importante a dieta em pacientes com Doença Inflamatória Intestinal?

Basicamente os pacientes devem se manter bem nutridos. Se você está respondendo bem as medicações, pode se alimentar normalmente sem restrições. Aos pacientes que tem diarréia após as refeições, recomenda-se diminuir a quantidade de fibras. Se você é sensível ao leite (intolerância a lactose), recomenda-se evitar o leite e seus derivados.

Posted in Saúde | Etiquetado: , , | 31 Comments »

São Marcos, a Muralha do Palestra Itália

Posted by Marcelo em 10/06/2009

Sao MarcosMarcos Roberto Silveira Reis, nascido em Oriente no dia 4 de agosto de 1973, conhecido no mundo da bola como Marcos ou Marcão.

Joga desde 1992 como goleiro do Palmeiras. Carinhosamente chamado como “São Marcos” pelos palmeirenses, sendo considerado um dos maiores jogadores da história do clube, além de ter vestido apenas a camisa do alviverde em toda sua carreira. Foi goleiro titular da Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 2002, quando a equipe conquistou seu quinto título mundial.

Carreira

Aos 18 anos, prestes a completar 19, Marcos estreou no time principal do Palmeiras em um amistoso contra a Esportiva Guaratinguetá em 16 de maio de 1992, vencido pelo seu time pelo placar de 4 a 0.

Depois desse jogo, Marcos continuou como o terceiro goleiro da equipe e só voltou novamente em 1996, quando já era reserva imediato da posição, permanecendo nessa condição até 1999.

Titularidade

Em menos de três meses, Marcos se transformou de reserva do Palmeiras a principal astro da maior conquista do clube: a Copa Libertadores da América de 1999. O goleiro virou titular na quinta rodada da competição, devido a uma contusão de Velloso, e não largou mais a camisa 1. Para alegria da torcida palmeirense, suas melhores atuações foram nos dois jogos contra o arqui-rival Corinthians, nas quartas-de-final, quando fez defesas milagrosas que levaram a decisão aos pênaltis. Ao final da competição, além de receber o apelido de São Marcos, foi eleito o melhor jogador da Libertadores.

marcos3

Defesa do pênalti batido pelo Marcelinho Carioca, Libertadores 2000

Em 2000, reforçou sua condição de ídolo com grandes apresentações, com destaque para as partidas das épicas semifinais da Libertadores contra o Corinthians. Depois de dois duelos no tempo bastante disputados, o primeiro com vitória do clube alvinegro por 4 a 3 e o segundo com vitória alviverde por 3 a2, a decisão da vaga para a final foi para os pênaltis. Marcos defendeu a última cobrança, batida pelo Marcelinho Carioca, ídolo da torcida na época, garantindo a classificação do seu time para mais uma final, em que, após dois empates, perdeu o título para o Boca Juniors em nova decisão por pênaltis.

Copa do Mundo

Marcos1

Defesa de Marcos na final da Copa de 2002

Em 2002, foi goleiro titular da Seleção Brasileira campeão da Copa do Mundo, no Japão e na Coréia do Sul, sendo o único jogador da Seleção a não ser substituído em toda a Copa pelo técnico Felipão. Seus reservas eram Dida e Rogério Ceni. Foi considerado por muitos o melhor goleiro da copa. Pois Oliver Kahn, no jogo da final contra o Brasil, falhou feio no primeiro gol de Ronaldo, praticamente arriscando a sorte da Alemanha no jogo.

Fez uma Copa espetacular, com defesas extraordinárias, entre elas uma cobrança de falta de Neuville na final contra a Alemanha, que foi eleita a melhor defesa da competição pela FIFA.

No mesmo ano, foi eleito o quarto melhor goleiro do mundo, ficando atrás apenas de grandes nomes como Oliver Kahn (então vice-campeão do mundo) e Ilker Casillas, que por sua vez tinham maior presença na mídia por atuarem em grandes clubes europeus.

Daí em diante, escreveu seu nome como um grande ídolo do futebol brasileiro e passou a ser considerado um dos grandes goleiros do futebol mundial em todos os tempos.

Dificuldades

Em 2002, após a Copa do Mundo, o Palmeiras fez uma campanha ruim no Campeonato Brasileiro daquele ano e acabou rebaixado para a série B.

Mesmo com momento delicado no clube paulista, e com uma proposta do Arsenal para substituir David Seaman, a paixão de Marcos por sua família e pelo Palmeiras o fizeram permanecer no Brasil, para levar o time de volta à primeira divisão, o que aconteceu em 2003.

Em 2007 sofre nova contusão contra o Juventus no dia 11 de março pelo Campeonato Paulista. Voltou aos gramados como reserva no jogo contra o rival Corinthians em que o Palmeiras venceu por 1 a 0, porém uma nova lesão, em meados de 2007, o afastou mais uma vez dos gramados. Em 2008, depois de 11 meses fora, Marcos voltou a ser titular no jogo contra o Guaratinguetá na 7ª rodada do Paulistão e depois disto, não saiu mais do gol alviverde, assumindo o posto de goleiro “favorito” do técnico Vanderlei Luxemburgo, pois Diego Cavalieri estava em grande ascensão.

Volta por cima

No dia 4 de maio de 2008, como resultado de seu grande esforço de recuperação, sagrou-se Campeão Paulista. No dia 21 de setembro fez 400 jogos com a camisa do Palmeiras.

No dia 1 de novembro de 2008, perdeu o pai, o senhor Ladislau Silveira Reis, de 73 anos que, em conseqüência de problemas cardíacos, veio a falecer às 6 horas da manhã em Marília (a 21 Km de Oriente, cidade natural de Marcos), e por isso foi poupado do confronto entre Palmeiras e Santos, no jogo houve um minuto de silêncio em homenagem ao pai do ídolo palmeirense.

No dia 1 de dezembro de 2008, o goleiro Marcos se surpreendeu ao ser merecidamente eleito o terceiro jogador mais popular do mundo pela IFFHS (Federação Internacional de Estatísticas e História do Futebol), ficando a frente de jogadores como Kaká, Cristiano Ronaldo, Messi e a frente do companheiro de posição e rival Rogério Ceni. E ainda, para coroar sua volta por cima, foi eleito o terceiro melhor goleiro do Campeonato Brasileiro de 2008.

Marcos3

Marcos após defender o 3º pênalti, classificando o Palmeiras à quartas-de-finais, Libertadores 09

No dia 12 de maio de 2009, em jogo contra o Sport Recife válido pelas oitavas-de-final da Copa Libertadores da América, Marcos teve a melhor atuação desde seu retorno. Com defesas incríveis durante a partida e defendendo três cobranças adversárias nas disputas de pênaltis, garantindo a ida do Palmeiras às quartas-de-final.

Títulos

Palmeiras

  • Campeonato Brasileiro – 1993 e 1994
  • Torneio Rio-São Paulo – 1993 e 2000
  • Campeonato Paulista – 1993, 1994, 1996 e 2008
  • Torneio Lev Yashin (Rússia) – 1994
  • Copa Euro-América – 1996
  • Taça Maria Quitéria – 1997
  • Copa Naranja (Espanha) – 1997
  • Taça Governador de Goiás – 1997
  • Copa Mercosul – 1998
  • Copa do Brasil – 1998
  • Copa Libertadores da América – 1999
  • Copa dos Campeões – 2000
  • Campeonato Brasileiro Série B – 2003

Seleção Brasileira

  • Copa América – 1999
  • Copa do Mundo – 2002
  • Copa das Confederações – 2005

Pessoais

  • Melhor Jogador da Copa Libertadores da América – 1999
  • Revelação da Copa Libertadores da América – 1999
  • Melhor Jogador da final da Copa Libertadores da América – 1999
  • Melhor Goleiro da Copa Libertadores da América – 1999
  • Melhor Goleiro do Campeonato Paulista – 1999
  • Único goleiro a ser eleito melhor jogador de uma edição da Libertadores (recorde)
  • Único jogador da Seleção Brasileira a não ser substituído na Copa do Mundo de 2002 (recorde)
  • Foi eleito o quarto melhor goleiro do mundo – 2002
  • Foi eleito o terceiro jogador mais popular do mundo pela IFFHS – 2008
  • Está na lista entre os maiores goleiros da história – 2008
  • Terceiro melhor goleiro do Campeonato Brasileiro – 2008
  • Vencedor do confronto “Quem é o melhor?”, realizado pela TV Globo no programa Esporte Espetacular, ganhando de seu rival Rogério Ceni, com 66% dos votos – 2009
  • É considerado um dos três maiores ídolos da história do Palmeiras

Posted in Futebol | Etiquetado: , | Leave a Comment »

Estação Pederneiras

Posted by Marcelo em 10/06/2009

Cartaz

Uma câmera na mão e uma idéia na cabeça foi isso que meu grande amigo Gustavo Camilo, mais conhecido como Bolinha precisou para dar início a um filme-documentário sobre a abandonada Estação Ferroviária de Pederneiras.

Ele teve a idéia, fez um projeto e foi até a prefeitura municipal de Pederneiras e conseguiu o apoio da prefeitura, patrocinando assim a obra.

O documentário, de 15 minutos, retrata o surgimento da cidade em torno da estação e conta com relatos de três ex-ferroviários, moradores da cidade.

Foram dois anos de trabalho desde o planejamento, gravação, edição até a finalização.

Estação Pederneiras tem oferecido visibilidade ao município em exibições pelo País. Em Sorocaba, foi visto no Festival Interiores do Brasil. Foi o 3º colocado na categoria documentário no 14º Festival de Vídeo de Teresina, Piauí. Na Virada Cultural 2007 foi exibido na Cinemateca Brasileira, em São Paulo. No Rio de Janeiro, integrou o X Vide Vídeo na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e no Festival Cinema-se, em Santos.

Nos 116 anos de Pederneiras, na Feira das Nações, o documentário foi exibido no dia da abertura da Feira.

Dados técnicos:

Título: Estação Pederneiras

Diretor: Gustavo Camilo

Duração: 15 minutos

Sinopse: Passado e presente encontram-se para relatar sentimentos de quem viveu os mais significativos anos da ferrovia em uma cidade do interior de São Paulo.

Quem conhece o Bolinha, uma pessoa alegre, companheira, engraçada, que gosta de uma cervejinha com os amigos, se impressiona quando assiste o documentário pois foi feito com um profissionalismo e seriedade sensacional. Parabéns a ele!

E meu nome está nos créditos finais ;)

Aliás, o documentário já foi visto por muita gente de produtora e de televisão. É o trabalho do Gustavo sendo propagado na área.

Dia 22/05/2007, saiu uma reportagem no Jornal da Cidade, clique aqui e confira.

Sucesso Bolota!!!

Posted in Vídeos | Leave a Comment »

1982 Fatos e Acontecimentos

Posted by Marcelo em 10/06/2009

82Anos 80, a melhor década vivida pela juventide da época.

1982 um ano onde o mundo viu umas das melhores seleções brasileiras em Copas (pena só não foi a melhor de fato por que não foi campeã) e ano também em que um certa mulher paria, em Botucatu, um garoto ruivo e lindo (hehehe), brincadeira a parte, abaixo segue uma vasta e rica (ou não) lista de informações e acontecimento do ano de 1982.

1982 Ano Internacional de Moblização pelas Sanções à África do Sul, pela ONU.

Eventos:

07/01: Fundação do Museu Afro-Brasileiro, em Salvador – BA.

14/01: Adotada a bandeira do Amazonas.

02/04: A Argentina invade as Ilhas Malvinas, dando início à Guerra das Malvinas.

14/04: Adolescentes norte-americanos criaram o Dia Internacional do Beijo.

17/04: O Canada Act quebra virtualmente todos os laços administrativos entre o Canadá e o Reino Unido.

29/04: O Dia Internacional da Dança é introduzido pela Unesco.

10/05: Estréia de Vila Faia, a primeira novela portuguesa, na RTP 1.

14/05: Distrito de Abreu e Lima, no Pernambuco, emancipa-se da cidade de Paulista.

30/05: Espanha torna-se membro da OTAN.

11/06: Estréia do filme ET, o Extraterrestre, de Steven Spielberg.

26/06: A canadense Karen Dianne Baldwin é eleita Miss Universo.

13/10: Começa o enchimento do reservatório de Itaipu.

28/10: Felipe González torna-se primeiro-ministro da Espanha.

05/11: Inauguração da hidrelétrica de Itaipu.

15/11: Eleições Diretas gerais (menos para presidente).

18/11: A dominicana Mariasela Alvarez Lebron é eleita Miss Mundo.

01/12: Lançado no mercado dos consumidores sazonais o álbum Thriller, do Michael Jackson.

13/12: Leonel Brizola é eleito governador do Rio de Janeiro, após constatada uma fraude eleitoral, no caso conhecido como Caso Proconsult, para tirá-lo a vitória.

13/12: Arístides Royo renuncia o seu cargo de presidente do Panamá.

13/12: Belisario Betancur substitui Julio César Turbay Ayala no cargo de presidente da Colômbia.

13/12: Carybé é doutoradoHonoris Causa pela UFBA.

13/12: Felipe Gonzaléz torna-se presidente do governo da Espanha (quase 2 meses depois de torna-se primeiro-ministro), substituindo Leopoldo Calvo Sotelo y Bustelo.

13/12: Fundação da Compaq Computer Corp.

13/12: Giulio Carlo Argan é eleito senador.

13/12: Helmut Kohl torna-se chanceler da República Federal Alemã, substituindo Helmut Schmidt.

13/12: Inicia-se a comercialização do AutoCAD.

13/12: Inicia-se o trabalho no tropix (S.O. multiusuário e multitarefa, de filosofia Unix).

13/12: Jean-Luc Godard filma Passion.

13/12: Kevin Roche conquista o Prêmio Pulitzer.

13/12: Olinda é declarada pela Unesco Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade.

13/12: Oscar Niemeyer concebe o Sambódromo Marquês de Sapucaí, Rio de Janeiro.

13/12: Peter Armbruster e Gottfried Münzenberg, do GSI, sintetizam o elemento químico Meitnério.

13/12: Reynaldo Bignone substitui Leopoldo Galtieri na presidência da Argentina.

13/12: Richard Attenborough filma Gandhi.

13/12: O parque Epcot Center do complexo Walt Disney World em Orlando é inaugurado.

13/12: Lançamento do achocolatado Toddynho no Brasil.

## PRÊMIO NOBEL DE 1982 ##

Física: Kenneth G. Wilson (físico – USA),pela teoria dos fenômenos críticos em conexão com as transições de fase.

Química: Aaron Klug (Lituânia), pelo desenvolvimento da microscopia eletrônica cristalográfica e a elucidação estrutural de importantes complexos ácido-proteíno-nucleicos.

Medicina: Sune K. Bergström(bioquímico – Suécia); Bergt I. Samuelsson (bioquímico – Suécia) e John R. Vane(farmacêutico – Reino Unido), por pesquisas sobre prostaglandinas.

Literatura: Gabriel Garcia Márquez (escritor, jornalista e ativista político – Colômbia), por sua obra, que entre outros livros inclui o aclamado Cem Anos de Solidão.

Paz: Alva Mydal (diplomata – Suécia) e Alfonso Garcia Robles (diplomata – México), pelo seu apoio a processos de desarmamento.

Economia: George J. Stigler (economista – USA).

## MÚSICA EM 1982 ##

Eventos:

É lançando o álbum mais vendido da história: Thriller, do Michael Jackson (mais de 104 milhões de cópias vendidas).

Madonna lança o primeiro single de sua carreira: Everybody.

Jean Michel Jarre grava The Concerts in China (Les Concerts Em China).

2ª edição do Festival de Vilar de Mouros.

A banda Barão Vermelho é criada.

A banda de heavy metal, Iron Maiden, lança o álbum The Number of the Beast, gerando muita polêmica por causa de suas letras, mas considerado por muitos fãs o melhor da banda.

A banda ABBA lança seu último álbum de estúdio de sua carreira, The Visitors.

Nascimentos:

18/01: Quinn Allman (guitarrista norte-americano)

01/02: Ruki (vocalista japonês)

24/04: Kelly Clarkson (cantora norte-americana)

30/04: Andrew Seeley (ator e cantor canadense)

09/06: Christina Stürmer (cantora austríaca)

28/12: Wanessa Camargo (cantora brasileira)

Falecimentos:

19/01: Elis Regina (cantora brasileira)

19/03: Rhandy Rhoads (guitarrista norte-americano, parceiro do Ozzy Osbourne)

29/03: Carl Orff (compositor alemão)

26/06: Alfredo Marceneiro (fadista português)

23/08: Edu da Gaita (instrumentista e compositor brasileiro)

16/10: Adriano Correia de Oliveira (cantor de intervenção português)

23/11: Adoniran Barbosa (compositor, cantor, humorista e ator brasileiro)

Bandas Formadas:

1964 the Tribute Faith no More Salem 66
44 Magnum Fitzroy Xpress Salomom Quartet
A Witness Flag of Convenience Santa Fe Community Orchestra
A-HA Flesh for Lulu Scanch
Akademie für Alte Musik Berlin Girls Next Door Scratch Acid
Altar Boys Golpes Bajos Seona Dancing
American Music Club Guardian Sinner
Antisect Hellhammer Skeleton Crew
Armored Saint Hermes House Band Skinny Puppy
Artillery Inca Babies Soda Stereo
Barão Vermelho IQ Sodom
Bella Voce It Bites Spacemen 3
Big Black Janysium Spermbirds
Blue in Heaven JoBoxers Stryper
Boni Pueri, the Czech Boys Choir Jokke & Valentinerne Swans
Brighton Rock Kane Gang Swans Way
Brocas Helm Kansas City Symphony T.Love
Capital Inicial Klinik The Bats
Cardiff Philharmonic Orchestra Kreator The Crazy 8’s
Carnivore Krypton The Kids from “Fame”
Cassiber Kult The Knitters
Cats Can Fly L’Affaire Louis’ Trio The Lotus Eaters
CCCP Fedeli alla Linea Legião Urbana The Miracle Workers
Century Steel Band Les Innocents The Party Boys
Choral Arts Society of Philadelphia Los Prisioneros The Perfect Disaster
Chumbawamba Los Tres The Plague
Cinderella Mad Max The Pogues
Cindytalk Maryland Symphony Orchestra The Prisoners
Cock Robin Melvins The Smiths
Coil Mob 47 The Three O’Clock
Colourbox Napalm Death The Trashmen
Concrete Blonde New Tradition Chorus The Venetians
Corrosion of Conformity Night Ranger The Weather Girls
Crumbsuckers Nitzer Ebb They Might Be Giants
Culture Club Nordic trio Thinking Plague
D.I. NSRD Timex Social Club
Dameronia Outrage TISM
Dear Enemy Painters and Dockers TNT
Death Angel Partibrejkers Tones on Tail
Death Piggy Post Mortem Tuff Monks
Deckchairs Overboard Primal Scream W.A.S.P.
Destiny Propaganda Warlock
Destruction Psyche Warriors
Die Ärzte Psychic TV Waysted
Die Toten Hosen Public Enemy Wet Wet Wet
Dio Raga Rockers Whipping Boy
Dirty Rotten Imbeciles Raphael Ensemble Whodini
Ed Gein’s Car Red Guitars Zag and The Coloured Beads
Eight Seconds Rifle Sport
Everything but the Girl Sade

Bandas Desfeitas:

ABBA
Adam and the Ants
Bad Company (voltou em 1986)
Blondie (voltou em 1997)
The Doobie Brothers (voltou 1988)
Eagles (voltou em 1994)
Hotel
The Jam
The Only Ones
Average White Band (voltou em 1989)
Japan
The Skids
The Wild Swans (voltou em 1985)

Álbuns lançados:

Thriller – Michael Jackson Abominog – Uriah Heep
Age to Age – Amy Grant Album – Generic Flipper – Flipper
American Fool – John Cougar Mellencamp The Anvil – Visage
Avalon – Roxy Music Bad Brains – Bad Brains
Beasts – Sex Gang Children Beatiful Vision – Van Morrison
Black Metal – Venom The Blue Mask – Lou Reed
Blackout – Scorpions Business as Usual – Men at Work
A Broken Frame – Depeche Mode Chronic Town – REM
Christ – The Album – Crass Combat Rock – The Clash
Comeback – Eric Burdon Death Wish II – Jimmy Page
Dawn Patrol – Night Ranger D.S. al Coda – National Health
The Dreaming – Kate Bush English Settlement – XTC
Electric Rendezvous – Al Di Meola Fantastic – Wham!
Another Day/Another Dollar – Gang of Four Flieg’ Vogel flieg – Hans-Joachim Roedelius
Back from Samoa – Angry Samoans Forever Now – The Psychedelic Furs
Beat – King Crimson Forging Ahead – Bad Manners
Black Tiger – Y&T Friend or Foe – Adam Ant
The Broadsword and the Beast – Jethro Tull Gap Band IV – The Gap Band
Chris Rea – Chris Rea Garista – Zoviet France
Coda – Led Zeppelin Garlands – Cocteau Twins
Creatures of the Night – KISS The Gateway – Chris de Burgh
Donna Summer – Donna Summer Get Nervous – Pat Benatar
Eddie Murphy – Eddie Murphy The Gift – The Jam
…Famous Last Words – Supertramp Going Where the Lonely Go – Merle Haggard
Fast Women & Slow Horses – Dr. Feelgood The Golden Age of Wireless – Thomas Dolby
Keep On Doing – The Roches Metal on Metal – Anvil
Kenny G – Kenny G Miami – The Gun Club
A Kiss in the Dreamhouse – Siouxsie and the Banshees Midnight Love – Marvin Gaye
Kissing to Be Clever – Culture Club Milo Goes to College – The Descendents
Langkah Berikutnya – Ebiet G. Ade Mirage – Fleetwood Mac
The Lee Aaron Project – Lee Aaron Mondialement vôtre – Dalida
Leichenschrei – SPK Music for a New Society – John Cale
Lexicon of Love – ABC Naked – Sex Gang Children
Lionel Richie – Lionel Richie Nebraska – Bruce Springsteen
Live Evil – Black Sabbath New Britain – Whitehouse
Living My Life – Grace Jones New Gold Dream – Simple Minds
Love over Gold – Dire Straits Night and Day – Joe Jackson
Love Will Turn You Around – Kenny Rogers The Nightfly – Donald Fagen
Meat Puppets – Meat Puppets 1999 – Prince
Mesopotamia – The B-52’s Nona – Nona Hendryx
The Rise & Fall – Madness The Singles: The First Ten Years – ABBA
Rock in a Hard Place – Aerosmith The Sky’s Gone Out – Bauhaus
Room To Live – The Fall Sleepwalking – Gerry Rafferty
Rough Diamonds – Bad Company Somewhere in Africa – Manfred Mann’s Earth Band
Ruff Cuts – Twisted Sister Songs of the Free – Gang of Four
Saints & Sinners – Whitesnake Sonic Youth – Sonic Youth
Screaming for Venegeance – Judas Priest Speak of the Devil – Ozzy Osbourne
Send Me a Lullaby – The Go-Betweens Spécial Dalida – Dalida
Set – Thompson Twins Stand by Your Man – Motörhead & Girlschool
Shabooh Shoobah – INXS Stevie Wonder’s Original Musiquarium – Stevie Wonder
Shoot Out the Lights – Richard and Linda Thompson Stink – The Replacements
Showtime! – The J. Geils Band Straight Between the Eyes – Rainbow
Signals – Rush Sweets From a Stranger – Squeeze
Silk Electric – Diana Ross 10, 9, 8, 7, 6, 5, 4, 3, 2, 1 – Midnight Oil
Wiped Out – Raven Zapp II – Zapp
After the Snow – Modern English Iron Fist – Motörhead
Ambient 4: On Land – Brian Eno It’s Alright (I See Rainbows) – Yoko Ono
Asia – Asia It’s Hard – The Who
Bean-Spill – The Minutemen The John Lennon Collection – John Lennon
Big Science – Laurie Anderson Jinx – Rory Gallagher
Branigan – Laura Branigan Junkyard – The Birthday Party (último álbum)
Choose Your Masques – Hawkwind Kansuigyo – Miyuki Nakajima
Circus Animals – Cold Chisel Oriental Beat – Hanoi Rocks
Computer Games – George Clinton The Party’s Over – Talk Talk
Driver Down – Van Halen Peter Gabriel Also Know as Security – Peter Gabriel
The Early Tapes/Strategy – Level 42 Pictures at Eleven – Robert Plant
Everything Falls Apart – Hüsker Dü Picture This – Huey Lewis & The News
Flex Your Head – Various Artists Plastic Surgery Disasters – Dead Kennedys
I Paralyze – Cher Pornography – The Cure
Identify Crisis – Sweet (último álbum) Power Play – April Wine
…If I Die, I Die – Virgin Prunes Prairie Serenade – Riders in the Sky
Imperial Bedroom – Elvis Costelo & the Attractions Private Audition – Heart
In the Name of Love – Thompson Twins Psychopathia Sexualis – Whitehouse
Absolutely Live – Rod Stewart One to One – Carole King
All Four One – The Motels The One Giveth, the Count Taketh Away – Bootsy Collins
Are You Ready – Bucks Fizz One Vice at a Time – Krokus
Barry Live in Britain – Barry Manilow Only Theatre of Pain – Christian Death
Before a Word is Said – Gowen, Miller, Sinclair, Tomkins Tenebrae – Simonetti-Morante-Pignatelli (Goblin)
Bobbie Sue – The Oak Ridge Boys Three Lock Box – Sammy Hagar
Chicago 16 – Chicago Three Sides Live – Genesis
Church of Hawkwind – Hawkwind Time and Tide – Split Enz
Complete Madness – Madness Time Pieces: Best of Eric Clapton – Eric Clapton
The Distance – Bob Seger Too Fast for Love – Mötley Crüe
Eagles Greatest Hits, vol. 2 – Eagles Too-Rye-Ay – Dexys Midnight Runners
Enter K – Peter Hammill Toto IV – Toto
Five Miles Out – Mike Oldfield Tough – Kurtis Blow
Groovy Decay – Robyn Hitchcock Trance – Chris & Cosey
The Great Twenty-Eight – Chuck Berry Troops of Tomorrow – The Exploited
H2O – Daryl Hall & John Oates Tug of War – Paul McCartney
Hello, I Must Be Going! – Phil Collins The Tunes of Two Cities – The Residents
Here Comes the Night – Donnie Iris TV Party – Black Flag
Homotopy to Marie – Nurse With Wound Zipper Catches Skin – Alice Cooper
Hot Space – Queen The Pursuit of Accidents – Level 42
Hour Live – Toots & the Maytals The Record – Fear
How Could Hell Be Any Worse? – Bad Religion Revelations – Killing Joke
Humans Only – Earthstar Rio – Duran Duran
The Hunter – Blondie 2×45 – Cabaret Voltaire
I, Assassin – Gary Numan 2XS – Nazareth
Nothing Can Stop Us – Robert Wyatt UB44 – UB40
Nothing to Fear – Oingo Boingo Under the Big Black Sun – X
Now and Forever – Air Supply Under the Blade – Twisted Sister
Now Then… – Stiff Little Fingers Underwater Kites – The Modern Art
Nugent – Ted Nugent Upstairs at Eric’s – Yazoo
The Number of the Beast – Iron Maiden Vs – Mission of Burma
Nylon Curtain – Billy Joel Walk Among Us – The Misfits
Offene Türen – Hans-Joachim Roedelius Wasted Youth – Girl
Oh, No! It’s Devo – Devo We Are… The League – Anti-Nowhere League
On Land – Brian Eno What Time Is It? – The Time
1+9+8+2 – Status Quo White Eagle – Tangerine Dream
The Winning Hand – Willie Nelson, Kris Kristofferson, Brenda Lee & Dolly Parton

## LITERATURA EM 1982 ##

Eventos:

C. J. Cherryh vence o Prêmio Hugo com Downbelow Station.

Salomão Rovedo publica Chuva Fina.

Zélia Gattai publica Um Chapéu Para Viagem.

Nascimentos:

29/03: Tiago Nené (poeta e tradutor português)

Falecimentos:

02/03: Philip K. Dick (escritor de ficção científica norte-americano)

24/04: Sérgio Buarque de Holanda (historiador e crítico literário brasileiro)

18/07: Roman Jakobson (lingüista, fundador da “Escola de Praga” russo)

Prêmios literários:

Nobel da literatura – Gabriel García Márquez

Prêmio Machado de Assis – Franklin de Oliveira

## ESPORTE EM 1982 ##

Eventos:

Novembro – Fundação da torcida Diabos Vermelhos do Sport Lisboa e Benfica, de Portugal.

Ayrton Senna triunfa nos campeonatos europeu e inglês de Fórmula Ford 2000.

Bernard Hinault (França) vence a 69ª edição da Volta da França de bicicleta.

O Flamengo vence o Campeonato Brasileiro de futebol.

Keke Rosberg torna-se o primeiro finlandês a vencer o Campeonato Mundial de Fórmula 1.

Realização da XII Copa do Mundo de Futebol, na Espanha. Campeão: Itália.

Nacimentos:

01/01: David Nalbandian (tenista argentino)

14/01: Léo Lima (jogador de futebol brasileiro)

14/01: Victor Valdés (jogador de futebol espanhol)

17/01: Dwyane Walde (jogador de basquete norte-americano)

19/01: Pierre (jogador de futebol brasileiro)

20/01: Serghei Covalciuc (jogador de futebol maldávo)

22/01: Peter Jehle (jogador de futebol liechtensteinense)

31/01: Francesco Parravicini (jogador de futebol italiano)

05/02: Rodrigo Palacio (jogador de futebol argentino)

12/02: Julius Aghabowa (jogador de futebol nigeriano)

17/02: Adriano (jogador de futebol brasileiro)

19/02: Camelia Potec (nadadora romena)

22/02: Susanna Pöykiö (patinadora finlandesa)

04/03: Landon Donovan (jogador de futebol norte-americano)

10/03: Timo Glock (piloto de F1 alemão)

17/03: Steven Pienaar (jogador de futebol sul-africano)

18/03: Pedro Mantorras (jogador de futebol angolano)

23/03: Tomasz Kuszczak (jogador de futebol polonês)

25/03: Danica Patrick (piloto da Fórmula Indy norte-americana)

25/03: Ekaterina Khilko (ginasta usbequistanês)

26/03: Mikel Arteta (jogador de futebol espanhol)

31/03: Tal Bem Haim (jogador de futebol israelense)

02/04: David Ferrer (tenista espanhol)

02/04: Marco Amelia (jogador de futebol italiano)

05/04: Alexandre Prémat (piloto de automobilismo francês)

14/04: Damien Nash (jogador de futebol norte-americano)

22/04: Kaká (jogador de futebol brasileiro)

23/04: Jorge Henrique (jogador de futebol brasileiro)

24/04: Irina Tchachina (ginasta russa)

01/05: Darijo Srna (jogador de futebol croata)

05/05: Przemyslaw Kazmierczak (jogador de futebol polonês)

05/05: Sándor Torghelle (jogador de futebol húngaro)

22/05: Thiago Alves (tenista brasileiro)

24/05: DaMarcus Beasley (jogador de futebol norte-americano)

24/05: Roberto Colautti (jogador de futebol israelense)

01/06: Justine Henin (tenista belgo)

03/06: Horacio Peralta (jogador de futebol uruguaio)

03/06: Yelena Isinbayeva (atleta russa)

04/06: Maria Olaru (ginasta romena)

05/06: Zvjezdan Misimovic (jogador de futebol bósnio)

08/06: Nadia Petrova (tenista russa)

18/06: Marco Borriello (jogador de futebol italiano)

19/06: Chris Vermeulsen (motociclista australiano)

24/06: Sylvain Guintoli (motociclista francês)

25/06: Mikhail Youzhny (tenista russo)

02/07: Elder Granja (jogador de futebol brasileiro)

05/07: Alberto Gilardino (jogador de futebol italiano)

07/07: Jan Lastuvka (jogador de futebol checo)

09/07: José Humberto de Souza Rodriguez (árbitro brasileiro)

09/07: Sakon Yamamoto (piloto de automobilismo japonês)

12/07: Antonio Cassano (jogador de futebol italiano)

31/07: Edmond Kapllani (jogador de futebol albanês)

31/07: Marek Sapara (jogador de futebol esloveno)

02/08: Hélder Postiga (jogador de futebol português)

05/08: Michele Pazienza (jogador de futebol italiano)

07/08: Marco Melandri (motociclista italiano)

17/08: Phil Jagielka (jogador de futebol inglês)

23/08: Natalie Coughlin (nadadora norte-americana)

24/08: José Bosingwa (jogador de futebol português)

24/08: Kim Källström (jogador de futebol sueco)

29/08: Vincent Enyeama (jogador de futebol nigeriano)

30/08: Andy Roddick (tenista norte-americano)

31/08: Pepe Reina (jogador de futebol espanhol)

10/09: Didi (jogador de futebol brasileiro)

13/09: Maybyner Rodney Hilário, “Nenê” (jogador de basquete brasileiro)

19/09: Elena Zamolodchikova (ginasta russa)

27/09: Darrent Willians (jogador de futebol norte-americano)

28/09: Anderson Varejão (jogador de basquete brasileiro)

01/10: Haruna Babangida (jogador de futebol nigeriano)

06/10: Alexander Lund Hansen (jogador de futebol norueguês)

07/10: Jermain Defoe (jogador de futebol inglês)

09/10: Antônio Manuel Viana Mendonça (jogador de futebol angolano)

13/10: Ian Thorpe (nadador australiano)

13/10: Marcela Lopez (ginasta brasileira)

16/10: Frédéric Michalak (jogador de rugby francês)

20/10: Yasser Al-Qahtani (jogador de futebol saudita)

24/10: Mohamed  Fairuz  Fauzy (piloto de automobilismo malaio)

26/10: Adam Carroll (piloto de automobilismo norte-irlandês)

03/11: Evgeni Plushenko (patinador russo)

11/11: Asafa Powell (atleta jamaicano)

27/11: Aleksandr Kerzhakov (jogador de futebol russo)

03/12: Michael Essien (jogador de futebol ganês)

04/12: Ho-Pin Tung (piloto de automobilismo chinês-holandês)

06/12: Alberto Contador (ciclista espanhol)

08/12: Hamit Altıntop (jogador de futebol turco)

15/12: Borja García (piloto de automobilismo espanhol)

22/12: Souleymane Camara (jogador de futebol senegalês)

Falecimentos:

08/05: Gilles Villeneuve (piloto de F1 canadense)

13/06: Riccardo Paletti (piloto de automobilismo italiano)

## 1982 EM OUTROS CALENDÁRIOS ##

Calendário gregoriano: 1982 MCMLXXXII

Ad urbe condita (desde a fundação da cidade, refere-se principalmente na numeração dos anos desde a fundação de Roma): 2735

Calendário armênio: 1431

Calendário chinês: 4678 – 4679

Calendário hebraico: 5742 – 5743

Calendários hindus

  • Vikram Samvat: 2037 – 2038
  • Shaka Samvat: 1904 – 1905
  • Kali Yuga: 5083 – 5084

Calendário persa: 1360 – 1361

Calendário islâmico: 1403 – 1404

Calendário rúnico: 2232

## COPA DO MUNDO FIFA DE 1982 ##

Participantes: 24

Paíse sede: Espanha

Período: 13 de junho a 11 de julho

Gols: 146 (média de 2,8 por partida)

Campeão: Itália

Vice-campeão: Alemanha Ocidental

Artilheiro: Paolo Rossi (Itália), 6 gols

Público: 2.109.723 (média de 40.571 por partida)

Brasil na Copa:

Classificação: 5º lugar

Campanha: 5 jogos, 4 vitórias, 1 derrota, 15 golos a favor e 6 golos contra.

Jogos: Brasil 2 X 1 URSS, Brasil 4 X 1 Escócia, Brasil 4 X 1 Nova Zelândia, Brasil 3 X 1 Argentina e Brasil 2 X 3 Itália.

Falcão destaque do Brasil , considerado pela FIFA o 2° melhor jogador da competição ,recebeu o troféu (Bola de prata).

Zico foi o terceiro artilheiro da competição, recebendo o troféu (Chuteira de bronze).

Posted in Curiosidades | Etiquetado: | 18 Comments »

Da queda à volta a elite do futebol brasileiro

Posted by Marcelo em 08/06/2009

palmeiras

2002: A queda

2002 foi o ano mais trágico de toda longa história palmeirense, uma seqüência de acontecimentos negativos culminaram no final de 2002 com o rebaixamento do Palmeiras para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro.

Desde a saída da Parmalat no final do ano de 2000, ano em que o Palmeiras conquistou o Torneio Rio-São Paulo e a Copa dos Campeões (torneio disputado pelos campeões regionais), a equipe do Palmeiras não esteve bem.

A verdade é que a parceria com a Parmalat rendeu ao clube inúmeros títulos, fato esse que já compensou a parceria, no entanto após a saída da Parmalat ficou claro que o Palmeiras poderia ter extraído mais desse acordo, infelizmente a diretoria e a presidência palmeirense sempre se manteve acomodada com os títulos e pouco fez pelo clube nesse período, nunca se preparou para um possível fim da parceria entre Palmeiras e Parmalat.

Com o término do acordo houve uma debandada dos principais jogadores palmeirenses cujos passes pertenciam a Parmalat, que tratou logo de negociá-los ao futebol do exterior, restando ao Palmeiras ter que reformular seu plantel. Reformulação essa que o presidente Mustafá Contursi chamou de Bom e Barato (que só era no nome, pois esses período só contratou jogador com futebol para jogar no time da Marginal s/n (leia-se Corinthians).

A prova que as coisas não iam bem veio em 2001, ano em que o Palmeiras passou em branco, sem conquistar nenhum título. Porém, o pior ainda estava para vir, a temporada de 2002 seria um pesadelo para todos palmeirenses.

O primeiro fiasco veio ainda no 1º semestre, o Palmeiras foi eliminado da Copa do Brasil em pleno Palestra Itália, pela inexpressiva equipe de ASA de Arapiraca. A derrota caiu como uma bomba no clube, que entrou definitivamente em crise.

Vanderley Luxemburgo, até então técnico do Palmeiras, abandonou o cargo no começo do Campeonato Brasileiro devido divergências com o presidente Mustafá Contursi, que não atendeu aos pedidos de reforços feitos por Luxemburgo. Mais tarde ambos estiveram entre os principais responsabilizados pelo rebaixamento.

Levir Culpi veio para substituir Luxemburgo e teve a missão de levar aquela fraca equipe do Palmeiras a disputar o Campeonato Brasileiro de 2002.

O Palmeiras até que tinha alguns jogadores de expressão como o goleiro Marcos, o lateral direito Arce, os meio-campistas Zinho e Pedrinho, e o atacante recém contratado Dodô. Porém problemas de contusões e de baixo rendimento técnico deixaram a equipe ainda mais afundada na crise.

O medo do rebaixamento permaneceu até a última rodada, quando a equipe do Palmeiras necessitava de uma vitória sobre a equipe do Vitória em plena Bahia. Infelizmente a vitória não veio (derrota por 4×3) e o Palmeiras foi rebaixado neste torneio juntamente com as equipes do Gama-DF, Portuguesa-SP e Botafogo-RJ.

Com o rebaixamento a crise atingiu seu ápice e profundas alterações aconteceriam na equipe e comissão técnica. A começar com a saída do técnico Levir Culpi e de vários jogadores do plantel. Poucos foram os atletas que resistiram no clube, e em cima desses e dos que viriam a chegar, caberia a responsabilidade de devolver a equipe do Palmeiras ao lugar que lhe cabia, a elite do futebol brasileiro.

Elenco:

Goleiros: Marcos, Sérgio e Gilvan.

Laterais: Leonardo, Pedro, Diego e Misso.

Zagueiros: César, Alexandre, Leonardo, Domingos e Thiago Matias.

Meias: Arce, Célio, Fabiano Eller, Magrão, Lopes, Jeovânio, Pedrinho, Paulo Assunção e Zinho.

Atacantes: Adriano, Dodô, Itamar, Juliano, Juninho, Munõz e Nenê.

2003: A volta por cima

Após o rebaixamento em 2002 uma enorme pressão era exercida sobre a diretoria palmeirense, exigindo-se uma reformulação total no clube.

Apesar da pressão, os cartolas ditadores se mantinham no poder e pouco se esforçavam para mudar sua política dentro do clube. Dessa forma, só restou aos palmeirenses assistirem mais um semestre terrível que viria.

Primeiro foi a eliminação nas semi-finais do Campeonato Paulista de 2003 para o maior rival, o Corinthians. Em seguida veio a maior humilhação da temporada, a derrota por 7×1 para o Vitória-BA, em pleno Palestra Itália, pela Copa do Brasil.

Porém, a temporada de 2003, que parecia ser um fiasco da equipe do Palmeiras, teria um final empolgante, pois foi no Campeonato Brasileiro da Série B que o Palmeiras daria a volta por cima.

Muito se especulava sobre a participação na segunda divisão brasileira de equipes tradicionais como Palmeiras e Botafogo-RJ, já que as famosas “viradas de mesa” se tornavam cada vez mais habituais dentro do futebol brasileiro. Equipes como Fluminense-RJ e Bahia-BA rebaixadas em campeonatos anteriores, voltaram à primeira divisão devido a interferências de cartolas que acabavam com a credibilidade do futebol brasileiro.

No entanto, com o Palmeiras seria diferente, a equipe foi para a disputa da Série B juntamente com o Botafogo-Rj e as demais equipes rebaixadas.

Para esse campeonato, houve uma intensa transformação no elenco, Jair Picerni, o técnico que havia assumido o comando da equipe para essa temporada, contando com o apoio da torcida, apostou em jogadores jovens, porém competentes.

Dessa forma, alguns jogadores das categorias de base do Palmeiras foram integrados ao elenco profissional, casos de Wagner Love, Diego Souza, Edmilson, Alceu e Glauber.

Para compor o elenco algumas contratações foram feitas, trazendo assim jogadores até então pouco conhecidos como: o zagueiro Daniel, o lateral direito Baiano, o lateral esquerdo Lúcio, os volantes Marcinho Guerreiro, Adãozinho, Correa e o meia Élson, entre outros. Outro jogador que chegava, conhecido da torcida e que retornava de empréstimo, fato que o impediu de disputar o desastroso Campeonato Brasileiro de 2002, foi o volante Magrão.

Os poucos jogadores poupados pela torcida desde o rebaixamento e que permaneceram no clube foram os já consagrados goleiros Marcos e Sérgio. O zagueiro Leonardo, o atacante Muñoz e o meia Pedrinho, que com seu histórico de contusões pouco participara do rebaixamento de 2002, também permaneceram na equipe de 2003.

Esses jogadores contratados, mais os garotos promovidos das categorias de base do Palmeiras, juntaram-se aos poucos remanescentes do rebaixamento e formaram o grupo que traria o Palmeiras de volta a primeira divisão.

A equipe do Palmeiras foi para disputa da série B desacreditada pela imprensa, mas não pela torcida que proporcionou verdadeiros espetáculos no Palestra Itália, lotando o estádio em quase todos os jogos do torneio e empurrando a equipe ao triunfo.

O torneio era disputado em três fases: a primeira, todos jogavam contra todos em turno único; na segunda, as oito equipes classificadas se dividiriam em dois grupos; na terceira fase, as duas equipes classificadas de cada grupo na fase anterior formavam um quadriangular decisivo, cujas duas melhores equipes conquistariam o acesso a primeira divisão.

A equipe do Palmeiras liderada pelo goleiro Marcos da seleção pentacampeã de 2002 e que recusou proposta milionária do Arsenal, da Inglaterra, conseguiu terminar a primeira fase na primeira posição do campeonato.

A essa altura algumas jovens revelações começavam a brilhar, caso do artilheiro do campeonato Wagner Love.

Na segunda fase do torneio, o Palmeiras foi superior as demais equipes, terminando a fase novamente na primeira colocação.

Para o quadrangular final o Palmeiras enfrentaria Botafogo-RJ, Sport-PE e Marília-SP. E novamente demonstrou superioridade, conquistando o acesso a Série A do Campeonato Brasileiro, juntamente com o Botafogo-RJ.

O Palmeiras demonstrou sua força durante toda competição, tendo tido a melhor campanha em todas as fases, sagrando-se assim campeão do torneio. A artilharia da competição ficou para Wagner Love, a revelação foi o lateral esquerdo do Palmeiras Lúcio, e o melhor jogador foi o já consagrado goleiro Marcos.

A equipe base dessa conquista foi: Marcos; Baiano, Daniel, Leonardo e Lúcio; Marcinho Guerreiro, Magrão, Diego Souza e Élson; Edmilson e Wagner Love.

A conquista desse torneio deixou claro que por pior dirigentes que o Palmeiras tinha, jamais poderiam faltar com respeito a um clube com a história do Palmeiras e que tão dignamente disputou um torneio de divisão inferior e retornou a elite do futebol brasileiro dentro de campo, ao contrário do que outros clubes na mesma situação fizeram.

Elenco:

Goleiros: Marcos, Sérgio, Diego Cavalieri

Laterais: Baiano, Lucio

Zagueiros: Daniel, Leonardo, Glauber, Daniel Martins, Marquinhos

Meias: Marcinho Guerreiro, Élson, Magrão, Diego Souza, Correa, Pedrinho, Alceu, Adãozinho, Fabio Gomes.

Atacantes: Wagner Love, Edmilson, Muñoz, André Balada, Thiago Gentil.

Uma volta, disputada dentro de campo, de um time que nunca deveria sair de elite do futebol nacional!

Posted in Futebol | Etiquetado: , | 1 Comment »

 
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.